Connect with us

Automóveis

Dunlop compartilha dicas para escolher o pneu certo

Published

on

Conhecer informações técnicas ajuda na hora da compra

Ao escolher os pneus para um veículo, muitos motoristas ignoram as informações gravadas nas laterais dos produtos. São elas que oferecem insights vitais sobre uso, segurança e desempenho. Compreender os números e códigos presentes nos pneus pode ser um divisor de águas para a escolha ideal.

“É de extrema importância que os motoristas saibam como interpretar as informações presentes nos pneus da forma correta, pois existem dados valiosos embutidos nas laterais e a seleção criteriosa de um pneu pode resultar em economia de combustível, conforto aprimorado e, acima de tudo, maior segurança para todos os ocupantes”, afirma Rodrigo Alonso, diretor de vendas e marketing da Dunlop.

A principal orientação é entender o tipo de pneu necessário. Cada modelo tem especificações exclusivas, sendo desaconselhável a utilização de dois modelos diferentes no mesmo eixo do carro. Essa diferença pode levar a desequilíbrios na dinâmica de condução do veículo e, nos piores casos, até mesmo afetar a dirigibilidade durante manobras de emergência.

Portanto, utilize pneus iguais no mesmo eixo. Pode-se aplicar par de pneus dianteiros diferentes dos traseiros, desde que a proposta de uso seja similar e atenda aos requisitos estabelecidos pelo fabricante do veículo.

Outra dica crucial aborda as medidas do pneu. Por exemplo, em um pneu com especificações 215/50 R17, o número “215” denota a largura da seção (a largura nominal do pneu novo, montado na roda e inflado à pressão recomendada, em milímetros), enquanto o “50” representa a proporção entre a altura (H) e a largura da seção (S) em percentual. Já o “R” indica um pneu com estrutura radial, a mais comum na indústria.

Já quando se trata do tamanho da roda, os pneus podem variar em polegadas, de acordo com a necessidade de cada automóvel. A indicação está logo após o “R” que indica a estrutura do pneu. As medidas de aro 13” até 18” são as mais comuns no mercado nacional. E seguir as especificações originais é fundamental, já que cada pneu foi projetado conforme parâmetros específicos.

Além disso, também é preciso se atentar ao índice de carga e o símbolo de velocidade presentes em cada pneu. O índice de carga varia de 0 a 279, indica a carga máxima suportada pelo pneu em kg, conforme tabela normalizada. A marcação segue padrões internacionais e pode ser consultada neste site. A escolha deve ser baseada essencialmente no que recomenda a montadora do veículo.

O símbolo de velocidade corresponde à máxima velocidade que o pneu pode suportar. Representados por letras, esses códigos abrangem velocidades de 50 km/h a 300 km/h. A escolha deve ser baseada essencialmente no que recomenda a montadora do veículo.

A montagem correta e o sentido de rotação também são de suma importância, uma vez que os pneus foram projetados para oferecer desempenho máximo em várias situações. Uma montagem incorreta pode reduzir o desempenho e prejudicar o escoamento de água. As instruções de montagem correta estão indicadas na lateral (flanco) do produto, tanto com relação à sentido de rotação, como lado interno/externo de montagem.

Continue Reading
Click to comment

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Leia também