Marcas: líder Vicente Orige vence em Goiânia (GO)

Marcas: líder Vicente Orige vence em Goiânia (GO). Foto: Fernanda Freixosa/Vipcomm

Com os três primeiros colocados disputando a vitória da primeira à última volta, líder do campeonato triunfou na volta final da prova. Bucci e Bonilha completaram o pódio composto por Chevrolet, Renault e Ford

A segunda corrida do Brasileiro de Marcas em Goiânia (GO), realizada na manhã deste domingo (04), foi emocionante do início ao fim. Basicamente, três pilotos disputaram a vitória durante todas as voltas: Enrico Bucci, que largou na frente, Vicente Orige e Cesar Bonilha.

A vitória ficou nas mãos de Orige, que conquistou a liderança na última das 17 voltas da prova. Bucci terminou em segundo, e Bonilha em terceiro, colocando três marcas no pódio – Chevrolet, Renault e Ford.

“Eu achei que hoje venceríamos. Administrei bem os freios, porque os três estávamos com problemas. Nem vi a placa de última volta, então freei dentro da curva 1 para defender a posição e aí o pedal abaixou muito e quando vi ele estava do meu lado. É o segundo quase, mas ainda espero conquistar uma vitória esse ano. De qualquer forma, foi uma disputa muito bonita, emocionante e limpa. Liderei a corrida toda, menos a que mais importava, que era a última. Vamos para a próxima”, disse Enrico Bucci.

Vicente Orige soube ter calma para analisar o melhor ponto onde tentar uma eventual ultrapassagem sobre o adversário ao mesmo tempo em que era fortemente pressionado por Cesar Bonilha.

“Foi uma corrida muito boa. Eu estava mais rápido que o Bucci, mas no final da pista ele era mais rápido que eu e, no fim da reta, eu não conseguia passar. Mas havia dois pontos em que eu era mais rápido, e quando ele começou a frear muito dentro eu vi que teria uma chance”, comentou o líder do campeonato.

“Analisando tudo isso enquanto eu era pressionado pelo Cesinha [Cesar Bonilha]. Consegui passar, mas foi uma disputa muito boa – acho que foi a corrida mais emocionante do ano”, acrescentou Orige.

Guilherme Reischl, vice-líder do campeonato, marcou apenas 24 pontos no fim de semana goiano, enquanto Orige somou 43. A etapa final, em Interlagos (SP), terá ainda 70 pontos em disputa na rodada dupla, e a diferença entre os dois postulantes ao título é de 36 pontos. A decisão do campeonato acontece nos dias 08 e 09 de dezembro. 

Marcas: líder Vicente Orige vence em Goiânia (GO). Foto: Fernanda Freixosa/Vipcomm
Pódio da corrida 2 do Brasileiro de Marcas na capital goiana. Foto: Fernanda Freixosa/Vipcomm

Resultado final – Corrida 2

1. 43 Vicente Orige (JLM Racing/Chevrolet Cruze) – 17 voltas em 27min26s302
2. 66 Enrico Bucci (Desenfreados Racing Team/Renault Fluence) – a 0s478
3. 99 Cesar Bonilha (Desenfreados Racing Team/Ford Focus) – a 0s952
4. 10 Humberto Biesuz (JLM Racing/Chevrolet Cruze) – a 11s236
5. 6 Roberto Hofig (Desenfreados Racing Team/Ford Focus) – a 23s805
6. 37 Guilherme Reischl (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) – a 54s536
Não completou
7. 74 Odair dos Santos (JLM Racing/Chevrolet Cruze) – não largou
Melhor volta: Vicente Orige, 1min35s158 (145,0 km/h)

Classificação do Campeonato (top 10)

1. Vicente Orige – 216 pontos
2. Guilherme Reischl – 180
3. Enrico Bucci – 140
4. Roberto Hofig – 128
5. Humberto Biesuz – 124
6. Cesar Bonilha – 117
7. Raphael Campos – 73
8. Odair dos Santos – 69
9. Marcio Basso – 68
10. Junior Victorette – 58

Leticia Senna

Deixe uma resposta