Auto Performance | Honda, GM e Cruise se unem para produção de autônomos em grande escala

A General Motors e a Cruise se uniram com a Honda com o objetivo de transformar a mobilidade por meio do desenvolvimento da tecnologia de veículos autônomos em alto volume para o mercado global. A ideia é produzir um veículo eficiente que ofereça uma experiência excepcional ao usuário, possa atender uma ampla variedade de uso e minimize o congestionamento nas ruas movimentadas das cidades.

“Compartilhar nossa tecnologia com um parceiro além de nossa família GM imediata é o melhor passo para nossos clientes e suas comunidades. É também o movimento certo para a Honda e acelera a nossa missão de levar carros de condução para o maior número de pessoas possível”, declara o CEO da Cruise, Kyle Vogt.

Segundo ele, há apenas quatro meses, o SoftBank concordou em investir 2,25 bilhões de dólares na Cruise. “Hoje estamos anunciando que a Honda também está se juntando à festa. Eles estão trazendo chips, dip e 2,75 bilhões de dólares”, informa. O montante de investimento da Honda está dividido em aproximadamente 2 bilhões de dólares em 12 anos e um aporte de 750 milhões de dólares em participação acionária na Cruise.

“Este é o próximo passo na relação entre a General Motors e a Honda, dado nosso trabalho conjunto em veículos elétricos e a nossa estreita integração com a Cruise”, diz a Chairman e CEO da General Motors, Mary Barra. “Juntos, podemos oferecer à Cruise o melhor em design,  fabricação e alcance global para estabelecê-los como líderes em tecnologia de veículos autônomos, enquanto se mobilizam para a distribuição dos veículos autônomos em grande escala”, reforça.

“A Honda escolheu colaborar com a Cruise e a General Motors com base na liderança em tecnologia de veículos elétricos e autônomos destas marcas e em nossa visão compartilhada de um mundo com zero emissões e zero colisões”, cita Seiji Kuraishi, vice-presidente executivo da Honda. “Vamos complementar seus pontos fortes por meio de nossa expertise em eficiência de espaço e design para desenvolver o veículo autônomo compartilhado mais desejado e eficaz”, considera.

“Estamos sempre procurando maneiras de acelerar a implantação da tecnologia de autogerenciamento, já que ela é inerentemente boa de muitas maneiras diferentes. Então, tomamos a decisão há alguns anos de cortar a nossa linha do tempo e construir nossa primeira onda de carros autônomos, começando pela já comprovada plataforma de veículos elétricos da GM”, comenta Vogt.

“Agora, estamos fabricando-os em uma linha de montagem de produção, o que nos permite trabalhar com os problemas exclusivos da fabricação de carros autônomos, fazer melhorias interativas e reduzir significativamente nosso caminho para a escala. O resultado final é impressionante e estamos entusiasmados em compartilhar a experiência com nossos clientes no futuro próximo. É confortável, familiar e será uma ótima introdução inicial ao nosso futuro autônomo”, completa.

“Trabalhando com a GM, já projetamos um protótipo de nosso veículo autônomo do futuro. Com a Honda a bordo, o nosso caminho para a produção é ainda mais rápido. Estivemos silenciosamente prototipando um novo veículo inovador nos últimos dois anos, que foi totalmente liberado das restrições de ter um motorista atrás do volante”, relata.

“Construir um novo veículo que tenha ótimos parâmetros operacionais e uso eficiente do espaço é o maior desafio de engenharia. Nós vamos fazer isso direito, e juntando forças com a Honda encontramos o parceiro perfeito para ajudar a fazer isso acontecer”, conclui o CEO da Cruise.


Rosangela Groff é jornalista e atua há 12 anos na área automotiva. É editora do caderno Carros & Motos do jornal Correio do Povo, um dos mais tradicionais do Rio Grande do Sul, com 123 anos de existência. Também edita conteúdo impresso e on-line na área de autopeças para entidades do segmento.

A coluna Auto Performance é veiculada todas as quartas-feiras e aborda os mais diversos temas do setor, desde as estratégias de mercado das marcas até as novas tecnologias que equipam os veículos.

Leia mais

Honda se une à Cruise e GM para construir novo veí... As três marcas vão financiar e desenvolver um veículo autônomo construído para que a Cruise possa atender uma ampla variedade de uso A Cruise e a General Motors anunciaram que uniram forças com a Honda em busca de alcançar o objetivo comum de transformar a mobilidade por meio do desenvolvimento d...
Honda e General Motors firmam parceria para a próx... Esta colaboração tecnológica irá atender os veículos específicos de cada marca separadamente A General Motors e a Honda anunciaram um acordo para novos componentes químicos de baterias, incluindo células e módulos, para acelerar o plano de eletrificação das duas empresas. A próxima geração de bat...
Comunicação direta entre veículos com conectividad... Automóveis se comunicando entre si para alertar eventuais perigos na estrada, como carros lentos ou parados. Assim funciona o C-V2X (Cellular Vehicle-to-Everything), uma solução de comunicação entre veículos, assim como entre veículos e infraestruturas, que contribui para aumentar a segurança viária...
Insight Prototype adianta a crescente linha de ele... O novo Insight Prototype fez sua estreia no Salão Internacional do Automóvel de Detroit 2018, que abriu suas portas nesta segunda-feira e segue até o dia 28. Adiantando a crescente linha de veículos eletrificados da Honda, o protótipo antecipa a versão final que será lançada nos Estados Unidos no fi...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *