Autos Giros – De volta à estrada!

Daniel Jacques

Faaaala galera, tudo bem?

Pois é, depois de “férias forçadas” por essa vida de empreendedor, estou de volta. E cheio de assuntos que abordarei com calma nos Autos Giros pelas estradas do Brasil e do mundo ao longo das próximas semanas. Pra começar, vou falar um pouco sobre a Nissan, que teve dois destaques recentes importantes no site do Autos Giros.

Um chute certeiro

Primeiro foi a avaliação que fizemos do crossover Kicks 1.6 S com transmissão manual. O modelo foi lançado em 2016 vindo importado do México com versão única equipada com câmbio CVT. Foi um grande sucesso, eleito inclusive o carro daquele ano pela nossa equipe.

Em 2017 ele passou a ser fabricado no Brasil, e ganhou a versão intermediária, também com câmbio CVT, e a básica, com câmbio manual. Sobre esta é que ainda pairava a dúvida. Será que ele manterá suas qualidades com trocas “na mão”?

Sendo um pouco “profeta do acontecido”, depois de testar o carro fácil dizer “é claro que sim”. Primeiro porque a transmissão é incrivelmente suave, as respostas do motor foram bem acertadas e o consumo médio de 13,5 km/l em terreno misto (estrada e cidade).

Além disso, ele continua sendo um “Nissan Kicks”. Alto nível de conforto (bancos zero gravity presentes), aquele toque de sofisticação e esportividade que tanto agrada e o visual externo com linhas planas que o tornam bonito mesmo na cor branca.

E o que torna o “pacote básico” bastante atrativo é a faixa de preço. Na casa dos R$ 72.000, ele se posiciona bem entre seus concorrentes, sendo um dos mais baratos, e com pacote de equipamentos bastante completo.

Com tudo isso, tanto quanto aconteceu no primeiro lançamento, a versão manual do Nissan Kicks é mais um chute certeiro da marca japonesa no mercado brasileiro. E eu vou falar um pouco mais deste sucesso abaixo…

Hecha en Argentina

Outro destaque da Nissan no Brasil é a picape Frontier. Em entrevista na última edição da Expointer – maior feira do agronegócio do Rio Grande do Sul e uma das maiores do Brasil, a montadora destacou a nova linha da picape, que chegará ao país produzida na Argentina e como um dos principais destaques da marca no Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro.

O novo portfólio trará uma nova versão top de linha – acima da atual LE – e uma nova configuração de entrada – abaixo da SE. Todas com motorização diesel pois segundo Alan Ponce, gerente comercial de veículos leves da Nissan disse durante a feira, este segmento representa mais de 70% do mercado total de picapes.

Apesar de manter a cabine dupla, a nova versão básica será focada no cliente que busca uma picape mais voltada para o trabalho. “Ela será manual, 4×4, e com um nível de acabamento mais básico. Não vai ter banco de couro, mas vai ter controle de estabilidade e muita segurança”. Ponce ressalta ainda que o motor e o torque foram recalibrados para atender o público desta configuração.

Humberto Gómez, diretor de marketing da Nissan do Brasil. Foto: Daniela Maccali

Humberto Gómez, diretor de marketing da Nissan do Brasil. Foto: Daniela Maccali

Sobre o Kicks, Humberto Gómez, diretor de marketing da Nissan do Brasil destacou que o crossover está com uma demanda maior do que a marca consegue corresponder. “Não estamos podendo entregar os carros com a velocidade da demanda. Estamos com um delay, uma demora, na entrega. É um problema bom, pois está acontecendo em todas as versões”, explica.

De acordo com o diretor, a Nissan está em um ano de forte consolidação no mercado brasileiro: ““Em 2018 estamos crescendo como marca. O que buscamos são novas alternativas para atender nossos clientes da melhor forma. O resultado de tudo isto é que aumentamos quase meio ponto de participação em 2018”, finaliza.

Mustang Cobra 50 anos

Pra não ficar só na Nissan, e também não ficar longa demais, vamos destacar um esportivo que já nasceu clássico e campeão de vendas no Brasil. Enquanto por aqui a sua versão única ainda não completou o primeiro aniversário, lá fora o Ford Mustang Cobra Jet está celebrando 50 anos.

A nova versão faz uma homenagem ao modelo original de 1968 que se tornou uma lenda nas corridas de arrancada, as famosas “drag racing”. Com produção limitada a apenas 68 unidades, o novo Cobra Jet é o mais rápido já produzido: percorre um quarto de milha na faixa de 8 segundos, a mais de 240 km/h.

Veja o vídeo:

Leia mais

Nissan comemora crescimento no mercado brasileiro ... Picape Frontier, atualmente com duas versões, ganhará linha completa vinda da Argentina no final do ano. Marca projeta crescimento e se prepara para atender aumento da demanda Um ano depois de lançar a nova geração da picape Frontier na Expointer 2017, a Nissan voltou ao mais tradicional evento d...
Nissan Frontier será um dos destaques do Salão do ... Agora fabricada em Córdoba, na Argentina, picape chegará cheia de novidades ao mercado brasileiro no principal evento do setor na América Latina A Nissan Frontier, a picape mais premiada pela imprensa especializada no ano passado, está melhor e de endereço novo. O utilitário agora é fabricado na ...
Nissan inicia a produção da Nissan Frontier na Arg... Com o início da fabricação em Córdoba, o país sul-americano passa a fazer parte da rede mundial de produção da picape A Nissan iniciou a produção de sua picape Nissan Frontier em Córdoba, na Argentina na última semana. No evento, o presidente e CEO da Nissan Motor Co. Ltd., Hiroto Saikawa destaco...
Nova Frontier é destaque no estande da Nissan na A... O público pode testar toda a força e tecnologia da picape mais premiada do Brasil em 2017 em uma pista off road exclusiva de 1000 m² A Nissan está presente mais uma vez na Agrishow, que termina nesta sexta-feira (04) em Ribeirão Preto (SP). Toda a linha de veículos da marca japonesa estará prese...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *