Conheça a Racing Point Force India, nova equipe da F-1

Conheça a Racing Point Force India, nova equipe da F-1. Foto: Divulgação

Antiga Force India, o time adquirido por grupo liderado pelo bilionário canadense Lawrence Stroll, pai do piloto Lance Stroll, virou a Racing Point Force India que começará campeonato da Fórmula 1 do zero na Bélgica

Mudança na Fórmula 1: sai a Force India e entra a Racing Point Force India, nova equipe inscrita no Mundial da categoria nesta quinta-feira (23). O novo time, adquirido por um grupo de investidores liderados pelo bilionário canadense Lawrence Stroll  – pai do piloto da Williams Lance Stroll – competirá no GP da Bélgica, marcado para este domingo (26), com zero pontos no Mundial de Construtores.

Depois de uma minuciosa verificação sobre a situação legal em torno da aquisição da Force India pelo consórcio liderado por Stroll, a FIA (Federação Internacional de Automobilismo) aprovou uma nova inscrição.

Segundo o regulamento da F-1, uma equipe não pode mudar oficialmente o nome durante a temporada sem perder os pontos e a premiação conquistados naquele ano. Para isso acontecer, todas as demais escuderias devem aprovar isso. Como três times (McLaren, Williams e Renault) não aceitaram, foi criado o impasse em relação à nova nomenclatura da equipe.

Desta forma, a única possibilidade de os pilotos Sergio Pérez e Esteban Ocon correrem em Spa-Francorchamps foi uma nova inscrição. E assim foi feito nesta quinta. Os dois vão manter seus pontos na classificação dos pilotos, uma vez que ambos foram considerados como se tivessem feito uma mudança de equipe na temporada. Mas a nova escuderia terá de começar do zero.

Conheça a Racing Point Force India, nova equipe da F-1. Foto: Reprodução/Twitter
Equipe chegou a Spa-Francorchamps sem o logotipo da antiga Sahara Force India. Foto: Twitter

Boas-vindas à nova escuderia

“A nova Racing Point Force India Team está muito contente por poder correr quando o campeonato voltar à Bélgica neste fim de semana. Esse é um novo e empolgante capítulo para nós. Apenas algumas semanas atrás, um futuro incerto estava à frente, com mais de 400 empregos em risco”, declarou Otmar Szafnauer, novo diretor geral da Racing Point Force India.

“Agora a nova equipe tem o apoio de um consórcio de investidores, liderados por Lawrence Stroll, que acreditam em nós como uma equipe, em nosso conhecimento e em nosso potencial para alcançar o sucesso na pista”, completou.

“Estou muito orgulhoso por um forte e positivo desfecho ter sido alcançado e dou as boas-vindas à inscrição de meio de temporada da Racing Point Force India. Criar um ambiente de estabilidade financeira na Fórmula 1 é um dos desafios-chave enfrentados pelo esporte. No entanto, graças ao trabalho duro da FIA, dos administradores, Racing Point e a Formula One Management temos uma situação nova que salvaguarda o futuro de todos os empregados altamente talentosos, e mantém uma justa e regulada competição no campeonato na segunda metade da temporada”, concluiu o presidente da FIA, Jean Todt.

Leticia Senna

Deixe uma resposta