Guia: Fórmula Indy dá a largada para a temporada 2018

Guia: Fórmula Indy dá largada para a temporada 2018. Foto: Divulgação

O Autos Giros traz um guia sobre a nova temporada da Fórmula Indy. A categoria promete abalar com muitas novidades, como o novo kit aerodinâmico universal dos carros, equipes estreantes e a presença de pilotos brasileiros

Leticia Senna

Acabou a espera. Após quase seis meses de offseason, finalmente a Fórmula Indy dá a largada para a sua temporada 2018 neste fim de semana (09 a 11) com o GP de São Petersburgo, no circuito de rua da cidade localizada no estado da Flórida (EUA). A categoria traz muitas novidades para este ano e aponta para um forte crescimento, após anos de quase “obscuridade”. A primeira etapa da temporada da Indy está marcada para as 13h30min (de Brasília) deste domingo (11). E só esse começo já promete! Acompanhe o nosso guia.

A primeira novidade da temporada 2018 foi apresentada ainda em meados do ano passado. O chassi e o kit universal aerodinâmico serão bem diferentes dos que correram em 2017. O DW12 foi aposentado após seis anos. Agora, a IndyCar estreará o novo carro, também construído pela Dallara. Os kits serão iguais para todos os times – por isso, o “universal”. As montadoras Honda e Chevrolet fornecerão apenas os motores às equipes, sem influência nos kits aerodinâmicos.

Os carros vêm numa pegada vintage. Os chassis lembram muito os usados pela CART (Championship Auto Racing Teams) nos anos 1990 e que fizeram muito sucesso entre os fãs da categoria na época. Os modelos ficaram menores nas partes dianteiras e traseiras. As asas e os aerofólios mudam conforme o tipo de pista: oval longo (como em Indianápolis), oval curto (como em Iowa), pista de rua (caso de São Petersburgo), e traçados mistos (como em Mid-Ohio).

Sai Watkins Glen e Portland volta ao calendário

O ano terá 16 etapas. Mas serão 17 corridas, já que o GP de Detroit tem rodada dupla. O circuito de Belle Isle, de propriedade de Roger Penske (dono da equipe que leva seu sobrenome), sedia uma prova no sábado e outra no domingo. Isso uma semana depois da disputa das 500 Milhas de Indianápolis. Portanto, serão 17 corridas disputadas entre março e setembro. A etapa de Sonoma fechará o campeonato e segue tendo sua pontuação dobrada.

Houve apenas uma mudança em relação ao calendário de 2017. Saiu Watkins Glen e o GP de Portland está de volta. O Portland International Raceway recebeu a CART (e também quando era Champ Car) entre os anos de 1984 e 2007.

Todos contra Newgarden e Penske. Será?

Atual campeão, Josef Newgarden é considerado favorito ao bicampeonato. A Penske tem em seu elenco os dois últimos campeões. Além do norte-americano, vencedor em 2017, o francês Simon Pagenaud, campeão em 2016, segue na equipe de Roger Penske. O time cortou um carro em relação a 2017. Serão três Penske que vão alinhar. O australiano Will Power, campeão de 2014, também continua. O brasileiro Helio Castroneves saiu da Indy e foi para o Sports Car, o Endurance norte-americano. Mas ele disputará o GP de Indianápolis e as 500 Milhas com o forte time.

E quem terá a ousadia de desafiar a Penske? O neozelandês Scott Dixon é sempre apontado como o grande adversário dos pilotos do time de Roger Penske. O tetracampeão da Indy corre pelo também tradicional time de Chip Ganassi. O rival de Penske cortou dois carros. Este ano, a Ganassi terá, além de Dixon, o britânico Ed Jones, escolhido o rookie (estreante) de 2017.

Também tradicional, a Andretti promete chegar junto dos favoritos em 2018. Apesar de as últimas temporadas não terem sido boas para o time de propriedade do ex-piloto Michael Andretti, a aposta é nos norte-americanos Alexander Rossi, vencedor da Indy 500 de 2016, e Ryan Hunter-Reay, campeão em 2012.

Mas quem mandou nos testes de pré-temporada, realizados no início de fevereiro em Phoenix, foram os carros da Rahal-Letterman Lanigan. O time do ex-tricampeão da CART Bobby Rahal fizeram os melhores tempos ora com Graham Rahal – filho de Bobby – e com Takuma Sato, que retorna ao time. O japonês venceu as 500 Milhas de Indianápolis de 2017.

Dois brasileiros na Foyt e um Fittipaldi na Dale Coyne

O Brasil terá dois representantes regulares na temporada 2018 da Indy. São eles o veteraníssimo Tony Kanaan e o estreante Matheus Leist, quarto colocado na Indy Lights no ano passado. Os dois defenderão a equipe AJ Foyt, que leva o nome da lenda da categoria. AJ Foyt venceu a Indy 500 em quatro ocasiões.

Aos 43 anos, Kanaan entrará em sua 21ª temporada na F-Indy. O baiano foi campeão em 2004 e venceu a Indy 500 em 2013. Ele vai pilotar o carro #14. Já o gaúcho Leist tem 19 anos e venceu três provas em 2017 na Indy Lights, último degrau de acesso à categoria principal. Um dos triunfos de “Matt”, como tem sido chamado nos EUA, foi nas 100 Milhas de Indianápolis, preliminar da Indy 500. O piloto recém havia chegado da F-3 Inglesa. Matheus Leist vai guiar o carro #4 da Foyt.

Acima, este guia refere-se a apenas dois pilotos canarinhos. Mas o Brasil terá mais um representante eventual na temporada 2018 da Indy. Pietro Fittipaldi fará sete provas pela equipe Dale Coyne. O neto de Emerson mostrou talento e chamou a atenção nos testes que realizou em Sebring e Sonoma entre janeiro e fevereiro. Ele dividirá o cockpit do carro #19 do time com o canadense Zachary Claman de Melo. Mas Pietro vai disputar as 500 Milhas de Indianápolis. Sua estreia está marcada para o dia 7 de abril no GP de Phoenix.

Novas equipes entram em ação

O grid da Indy estará mais cheio em 2018. Mesmo que as três grandes tenham cortado alguns carros, outras equipes estão chegando de mala e cuia à Indy. São os casos da Harding, que correu três provas em 2017, e da Carlin, que estreia na categoria principal vinda da Indy Lights. Além desses dois times, a Juncos Racing fará algumas provas na temporada.

Transmissão de TV no Brasil

Com contrato ainda em vigor com a IndyCar, a Bandeirantes detém os direitos de transmissão da F-Indy no Brasil. Porém, a emissora paulista está, aos poucos, desistindo do automobilismo. O canal de TV aberta do grupo da família Saad deve transmitir poucas provas da temporada 2018. A etapa de São Petersburgo e as 500 Milhas de Indianápolis terão exibição ao vivo da Band na TV aberta. As demais etapas serão exibidas pelo canal pago BandSports ou quando a grade da Band aberta assim permitir.

A emissora recentemente dispensou o narrador Téo José, conhecido há muitos anos como a “voz da Indy” no Brasil. O profissional migrou para a Fox Sports, onde narra futebol, algumas etapas da Nascar e da Fórmula E. A Band anunciou nesta semana Eduardo Vaz para ser a nova voz Indy no País. O piloto da Copa Truck Felipe Giaffone segue como comentarista da categoria na emissora.

Calendário Fórmula Indy 2018

11/03/2018 – GP de São Petersburgo (Flórida, EUA)
07/04/2018 – GP de Phoenix (Arizona, EUA)
15/04/2018 – GP de Long Beach (Califórnia, EUA)
22/04/2018 – GP de Barber (Alabama, EUA)
12/05/2018 – GP de Indianápolis (Indiana, EUA)
27/05/2018 – Indy 500 (Indiana, EUA)
02/06/2018 – GP de Detroit 1 (Michigan, EUA)
03/06/2018 – GP de Detroit 2 (Michigan, EUA)
09/06/2018 – GP do Texas (Texas, EUA)
24/06/2018 – GP de Road America/Elkhart Lake (Winsconsin, EUA)
08/07/2018 – GP de Iowa (Iowa, EUA)
15/07/2018 – GP de Toronto (Canadá)
29/07/2018 – GP de Mid-Ohio (Ohio, EUA)
19/08/2018 – GP de Pocono (Pensilvânia, EUA)
25/08/2018 – GP de Gateway (Missouri, EUA)
02/09/2018 – GP de Portland (Oregon, EUA)
16/09/2018 – GP de Sonoma (Califórnia, EUA)

Leia mais

F-Indy divulga primeiras fotos do carro de 2018 Categoria norte-americana começa a testar carro de 2018 na pista de Indianápolis nesta terça-feira (25) com os pilotos veteranos Juan Pablo Montoya e Oriol Servià Um dia antes dos testes em Indianápolis, a IndyCar – entidade que comanda a Fórmula Indy – divulgou as primeiras fotos dos novos carro...
IndyCar divulga novas imagens do carro de 2018 Novos carros da IndyCar para 2018 terão kit aerodinâmico voltado para o passado. A IndyCar, organizadora das provas da Fórmula Indy, divulgou nesta quarta-feira novas imagens do carro que serão usadas por todas as equipes na temporada 2018. A categoria promete muitas mudanças pela universalização...
RLL domina pré-temporada da Indy com Sato. Kanaan ... Equipe RLL, comandada pelo ex-piloto Bobby Rahal, deu as cartas nos testes de pré-temporada da Fórmula Indy neste fim de semana no oval curto de Phoenix (EUA) Nem Penske. Nem Andretti. Nem Ganassi. A equipe que dominou todas as quatro sessões dos testes coletivos de pré-temporada da Fórmula Indy ...
Pietro Fittipaldi assina com a Dale Coyne para cor... Atual campeão da World Series, Pietro Fittipaldi fará sete etapas nesta temporada, incluindo as tradicionais 500 Milhas de Indianápolis, vencidas duas vezes por seu avô Emerson Fittipaldi O Brasil terá mais um representante na Fórmula Indy na temporada 2018. A Dale Coyne oficializou, nesta terça-...

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: