Honda e McLaren oficializam rompimento

Mclaren-Honda apresenta o novo MCL32 para a disputa da temporada 2017. Foto: Divulgação

Após três temporadas de poucos resultados satisfatórios na Fórmula 1, montadora japonesa e equipe inglesa selam rompimento

Após três temporadas de uma parceria que tentava voltar aos bons tempos entre os anos 1980 e 1990 na F-1, mas que fracassou, Honda e McLaren acertaram acordo, nesta terça-feira (12), para o divórcio. A montadora japonesa aceitou migrar para a Toro Rosso em 2018 e assim permanecer na categoria. O time inglês, por sua vez, utilizará motores Renault. As informações são do site norte-americano Motorsport.com.

Esse acordo, que vinha sendo ensaiado há algumas semanas, deve fazer com que o espanhol Fernando Alonso fique na equipe de Woking no próximo ano. Ainda segundo o portal, os contratos já estariam todos assinados por um período de três anos. Assim, a McLaren utilizará os propulsores da Renault até 2020, quando termina o atual ciclo de regulamento da categoria.

O anúncio sobre o acordo do rompimento deve ser divulgado ainda nesta semana.

Rompimento foi inevitável

A parceria entre Honda e McLaren não se sustentava mais. O retorno da fornecedora japonesa foi um fracasso desde a retomada, em 2015. Isso manchou os anos de glória da união, que rendeu quatro títulos mundiais entre 1988 e 1991. Especialmente nesta temporada, problemas de confiabilidade fazem com que a equipe raramente termine provas. O que gera muitas reclamações de Fernando Alonso sobre o motor. Depois do GP da Bélgica, o bicampeão deu um ultimato à McLaren: era ele ou a Honda em 2018.

No final das contas, tudo se acertou. Com a Renault unindo-se à McLaren e a Honda, à Toro Rosso, a Red Bull ainda liberou o espanhol Carlos Sainz para acertar-se com a equipe da montadora francesa na F-1.

Mas com Sainz indo para a Renault, Robert Kubica encerrou acordo com a equipe e está livre no mercado. O polonês quer voltar a disputar uma temporada completa na categoria. Sauber e Williams estariam no radar do piloto. Caso Kubica acerte com a Williams, Felipe Massa poderá sair da equipe.

Leticia Senna

 

Leia mais

Alonso só renova com McLaren com Honda fora, diz r... Revista alemã Auto Motor und Sport publicou que piloto espanhol deu ultimato à McLaren de que só renova se a Honda sair. Montadora japonesa disse que não vai abandonar a Fórmula 1 Segundo a revista alemã Auto Motor und Sport, Fernando Alonso só aceita renovar seu contrato com a McLaren somente se...
Em Silverstone, Hamilton crava 67ª pole da carreir... Piloto britânico não cansa de fazer história na Fórmula 1 e crava sua 67ª pole position da carreira, uma atrás de Michael Schumacher, o recordista Correndo "em casa", Lewis Hamilton marcou sua 67ª pole position neste sábado (15) no treino classificatório para o GP da Inglaterra da Fórmula 1. O pi...
Sainz estreia na Renault no GP dos Estados Unidos Substituição na área: Carlos Sainz vai para a Renault e estreia no GP dos Estados Unidos no dia 22. Palmer está fora Durante o fim de semana do GP do Japão, disputado no domingo (08), tornou-se público que Carlos Sainz Jr. assumirá o cockpit da Renault. O espanhol vai ocupar a vaga do britânico J...
Verstappen domina treinos livres do GP do Azerbaij... Jovem holandês foi o mais rápido em todas as atividades da sexta-feira anterior ao GP do Azerbaijão Max Verstappen foi o dono da pista de Baku nos dois treinos livres da Fórmula 1 para o GP do Azerbaijão. O jovem holandês da Red Bull superou Mercedes e Ferrari e foi o mais rápido desta sexta-feir...

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: