E não é pouca coisa

Por Paulo Rogério

Depois de um lançamento com direito a evento de apresentação e um test drive de mais de 300 km, imaginava-se que a Mercedes-Benz deixaria as novidades um tanto quanto de lado, até para dar ao mercado o respiro até acostumar-se ao novo GLA.

Engano.

Nem três semanas passaram e o E 300 Coupé está anunciado para chegar por aqui em outubro! A Classe E é a linha que introduz a condução semiautônoma à gama alemã.

O sedã nada humilde chega com grade esportiva rebaixada e função ‘boas-vindas’. Quando o veículo é aberto, os LEDs das lanternas traseiras se acendem sucessivamente do centro para fora do automóvel. Lá dentro tem um friso que se estende pelo painel e termina com uma curva no revestimento das portas. Os bancos são inspirados nos do Classe E sedã.

Sob o capô há um motor de 245 cv (a 5,5 mil giros) e 37,5 kgfm de torque (entre 1,4 mil e 4 mil giros). Vai dos 0 aos 100 por hora em 6,4 segundos e chega aos 250 por hora de velocidade máxima. Tudo isso por nada módicos R$ 390.900.

Fica claro que, por mais que a Mercedes-Benz tenha levado ao público um carro mais humilde, caso do GLA (se é que esse adjetivo existe para classificar qualquer produto da marca), os alemães não deixam de ser premium. E que isso fique bem claro a partir do E 300 Coupé. Não somente pelo preço, mas por tudo o que ele oferece.

Leia mais

E é só o começo Galerinha que gosta de um vento dentro do carro e sensação de liberdade, a Mercedes-Benz traz um presentinho especialmente para vocês: o novo E 300 Cabriolet, já disponível nos concessionários brazucas. São quatro lugares no conversível, que inclui integração a smartphones e sistemas de assistência....
C de Classe Foi em agosto de 2014 que a Mercedes-Benz renovou por completo a Classe C. Trata-se de uma gama mais acessível aos clientes das marcas premium, com modelos que podem passar despercebidos pelas ruas e com preços que passam bem longe da casa do milhão. Acessível, porém classuda, como manda a filosofia...
De alma. E sem capota Ok, então você acha que a Mercedes-Benz está, digamos, ‘popularizando’ seus produtos no Brasil. Tá, tem algum sentido quando a marca inaugura fábrica de carros por aqui, como em 2016 e lança produtos com motores pouco exclusivos, caso do GLA, entregue no segundo semestre de 2017. Só que podemos afir...
A bordo do GLA Por Paulo Rogério Minha gente... Tá, ok, essa saudação não provoca as melhores recordações, mas é melhor, ao menos no caso deste colunista, que escrever "ai, gente que tudo!". O caso é que aceleramos o novo Mercedes-Benz GLA 200. E o bichinho vem para incomodar o mercado premium. No melhor dos sent...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *