Fórmula E: Renault e.dams reafirma sua supremacia conquistando o terceiro título da categoria dos elétricos

Fórmula E: Renault e.dams reafirma sua supremacia vencendo consecutivamente um terceiro título

Nesta temporada, a equipe conseguiu ganhar mais um título graças ao recorde de seis vitórias em 12 corridas

Já na primeira temporada, a Renault e.dams venceu o título de equipes, repetindo a façanha no ano seguinte, e a equipe reafirma sua supremacia vencendo consecutivamente um terceiro título na última corrida em Montreal (Canadá). Já Sébastien Buemi perdeu o título de pilotos no primeiro ano por apenas um ponto, mas foi consagrado no ano seguinte na final em Londres (Inglaterra).

Neste ano, a Renault e.dams conseguiu vencer mais uma vez, graças ao recorde de seis vitórias em 12 corridas, sendo a única escuderia a marcar pontos em todas as corridas. Batalhando novamente pelas duas coroas, a equipe e Sébastien Buemi vencem já na prova de abertura, em Hong Kong. Novos sucessos aconteceram em Marrakesh (Marrocos) e Buenos Aires (Argentina).

A Renault e.dams e o piloto suíço continuaram a trajetória de vitória em Mônaco, onde o piloto suíço largou da pole position, sua primeira na temporada, mantendo-se imbatível no traçado do principado. Na semana seguinte, em Paris (França), o líder do campeonato ofereceu a primeira vitória à Renault e.dams em casa.

Ele conquistou uma nova vitória na segunda corrida de Berlim (Alemanha), a 6ª em 8 corridas. Já Nico Prost sempre ajudou a equipe a se aproximar do título, conseguindo valiosos pontos a cada etapa e tornando-se o único piloto a realizar tal façanha.

“Essa não foi uma temporada fácil. Tive dificuldades nos treinos classificatórios durante toda esta temporada e não estou satisfeito com meu sexto lugar no campeonato. Saímos de Montreal com o título de equipes, o que era um dos dois objetivos. Agora daremos o nosso melhor para voltar mais fortes no próximo ano”, disse Nico.

Título na última corrida

A corrida pelo título de pilotos se mostrou bastante apertada na final de Montreal. Apenas 18 pontos separavam Buemi de seu rival, Lucas Di Grassi. No sábado (5), a equipe teve um dia extremamente difícil. Tudo por causa do acidente de Sébastien nos treinos livres e sua desclassificação naquela noite. A falta de sorte se repetiu no dia seguinte, com uma corrida complicada para os dois pilotos.

A Renault e.dams conquistou um total de 268 pontos, que culminaram em sua terceira consagração. Sébastien tem um total de 157 pontos e 6 vitórias e Nico tem 92 pontos.

 

 

Vitor Pereira

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: