Mercedes-Benz Challenge volta a Santa Cruz do Sul após um ano de ausência

Mercedes-Benz Challenge volta a Santa Cruz do Sul após um ano de ausência. Foto: Divulgação

Pierre Ventura, piloto da Savarauto, foi o último vencedor da prova, em 2015. Etapa de Santa Cruz foi a ausência do calendário em 2016.

Neste domingo (21), acontece a segunda etapa do Mercedes-Benz Challenge, no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul. A competição tem um predomínio histórico de vencedores do Sul do País. Nas cinco provas disputadas entre os anos de 2011 e 2012, todas as pole positions e quatro das cinco conquistas foram de pilotos gaúchos. Na última edição, em 2015, a vitória ficou nas mãos do piloto da Savarauto, Pierre Ventura. A corrida de Santa Cruz foi a ausência em 2016.

“Eu assumi a ponta somente na última volta. E devo esta vitória à estratégia de pneus”, detalha Ventura. E o piloto lembrou com entusiasmo de sua vitória na CLA AMG Cup. Na edição deste ano, os líderes são o catarinense Claudio Simão, na categoria C 250 Cup, e o gaúcho Fernando Júnior, na CLA AMG Cup.

O domingo também terá uma novidade. O pódio será formado por cinco pilotos em ambas categorias. A intenção é estimular uma maior competitividade durante o campeonato. Os treinos livres iniciam nesta sexta-feira. No sábado, acontecem as tomadas de tempo para a definição do grid de largada.

No domingo, às 10h, com transmissão exclusiva do canal por assinatura Band Sports, acontece a segunda prova da temporada 2017 do Mercedes-Benz Challenge.

Classificação do Campeonato

CLA AMG Cup

1) Fernando Júnior, 20 pontos

2) Adriano Rabelo, 17

3) Betão Fonseca, 15

4) Cristian Mohr, 13

5) José Vitte, 11

6) Fernando Amorim, 10

7) Renato Braga, 9

8) Pierre Ventura, 8

9) Fabio Scorpioni, 7

10) Lorenzo Varassin, 6

11) Fernando Poeta, 5

12) Raijan Mascarello, 4

13) Paulo Varassin, 3

14) Cesar Fonseca, 2

C 250 Cup

1) Claudio Simão, 20 pontos

2) André Moraes Júnior, 17

3) Marcos Paioli/Peter Gottschalk, 15

4) Raphael Teixeira/Ricardo Crunivel, 13

5) Peter Michel Gottschalk, 11

6) Flavio Andrade, 10

7) Max Mohr, 9

8) Beto Rossi, 8

9) Alexandre Navarro, 7

10) Luiz Barcellos, 6

11) Carlos Guilherme/Sérgio Kuba, 5

12) João Lemos, 4

13) Carlos Machado, 3

14) Cello Nunes, 2

15) Giusepe Vecci, 1

Leticia Senna

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: