Grupo PSA confirma compra da Opel/Vauxhall da General Motors

Grupo PSA confirma compra da Opel/Vauxhall da General Motors. Foto: Divulgação

O Grupo PSA e a General Motors anunciaram hoje a conclusão de um acordo. A partir de agora a filial Opel/Vauxhall da GM e as operações europeias da GM Financial passam a integrar o Grupo PSA. A transação o valor dessas atividades a 1,3 bilhão de euros e 0,9 bilhão de euros, respectivamente.

A Opel/Vauxhall alcançou um faturamento de 17,7 bilhões de euros em 2016. Com a aquisição, o Grupo PSA passará a ser a segunda montadora europeia, com uma participação no mercado de 17%2.

Opel e Vauxhall

“Estamos orgulhosos em unir nossas forças com a Opel/Vauxhall. Desde já nos comprometemos a levar adiante o desenvolvimento desta grande empresa e acelerar sua recuperação”, declarou o Presidente Mundial do Grupo PSA, Carlos Tavares.

“Saudamos todas as realizações de suas talentosas equipes assim como as belas marcas Opel e Vauxhall e o legado excepcional da empresa. Pretendemos administrar a PSA e a Opel/Vauxhall valorizando suas respectivas identidades de marca. Já desenvolvemos juntos excelentes modelos para o mercado europeu. Por isso estamos convencidos que a Opel/Vauxhall é o parceiro adequado. Para nós, isto vem naturalmente prolongar nossa parceria e estamos ansiosos para passar a uma velocidade superior”, declarou.

“Confiamos na aceleração significativa da recuperação da Opel/Vauxhall graças ao nosso apoio, e respeitamos os compromissos que a GM assumiu com os funcionários da Opel/Vauxhall”, acrescentou Tavares.

Acelerar a transformação da GM

“Estamos felizes com esta nova oportunidade que temos juntos. Nós da GM, nossos colegas da Opel/Vauxhall e a PSA, de melhorar o desempenho de nossas empresas no longo prazo. Sempre amparados pelo sucesso de nossa aliança”, declarou a CEO da GM, Mary T. Barra.

“Para a GM, isto constitui uma nova e grande etapa do plano atualmente em curso para melhorar nosso desempenho e acelerar nossa dinâmica. Transformamos nossa empresa e conseguimos resultados recordes e duradouros para nossos acionistas..”

“Estamos convencidos que este novo capítulo fortalecerá ainda mais a Opel e Vauxhall numa perspectiva de longo prazo. Ficamos felizes em poder contribuir para o sucesso futuro e o potencial de criação de valor da PSA.”, concluiu Mary Barra.

Consolidar no longo prazo

Com essa operação o Grupo PSA poderá realizar importantes economias de escala. Além disso, poderá criar sinergias nas áreas de compras, produção e P&D. Esperam-se sinergias de 1,7 bilhão de euros por ano até 2026. Estes resultados contribuirão para acelerar a recuperação da Opel/Vauxhall.

GM Financial

O Grupo PSA, juntamente com o banco BNP Paribas, adquirirá a totalidade das atividades europeias da GM Financial. Será criada uma nova empresa conjunta, constituída em partes iguais, que conservará a plataforma e a atual equipe europeia da GM Financial. Do ponto de vista contábil, esta empresa conjunta será consolidada pelo BNP Paribas pelo método de integração global e pela PSA pelo método da equivalência.

A operação representa uma nova etapa dos esforços empreendidos pela GM para transformar a empresa. O grupo norte-americano apresentou três anos de desempenho recorde e exibe sólidas perspectivas para 2017.

Esta operação virá reforçar a atividade principal da GM, permitirá focar no desenvolvimento contínuo das oportunidades de negócios mais rentáveis. Isto inclui as tecnologias de ponta que vão revolucionar o futuro e criar um valor significativo para os acionistas.

GM e a PSA preveem também uma colaboração em torno do desenvolvimento de tecnologias ligadas ao carro elétrico. Além disso, os acordos existentes de fornecimento de alguns modelos Holden e Buick são mantidos. Além disso, a PSA poderá eventualmente vir a se abastecer de célula de combustível junto à recém-criada empresa conjunta GM/Honda.

Termos do acordo

=> As atividades automotivas da Opel/Vauxhall serão adquiridas pela PSA por 1,3 bilhão de euros. As atividades europeias da GM Financial serão adquiridas pela PSA e pelo BNP Paribas por um valor equivalente a 0,8 vezes o seu valor contábil pro forma na conclusão da operação, ou seja, cerca de 0,9 bilhão de euros.

=> A operação representa um valor total de 2,2 bilhões de euros, referente às atividades automotivas da Opel/Vauxhall e a 100% das atividades europeias da GM Financial.

=> O valor da transação para a PSA, incluindo a Opel/Vauxhall e 50% das atividades europeias da GM Financial, será de 1,8 bilhão de euros.

=> A operação inclui todas as atividades automotivas da Opel/Vauxhall. Isto compreende as marcas Opel e Vauxhall, seis fábricas de montagem e seis fábricas de produção de peças. Inclui ainda um centro de engenharia (Rüsselsheim, Alemanha) e cerca de 40 mil funcionários. A GM conservará seu centro de engenharia de Turim, na Itália.

=> A Opel/Vauxhall continuará a usufruir das licenças de propriedade intelectual da GM até a adaptação progressiva dos seus veículos às plataformas da PSA nos próximos anos.

 

Leia mais

Grupo PSA montará 22 novos modelos no Uruguai até ... O Grupo PSA, líder no mercado de veículos utilitários na Europa, onde tem uma participação de 21,3 % no mercado, lançará 16 novos modelos na América Latina 2021. Entre os lançamentos estarão os novos Peugeot Expert e Citroën Jumpy. Os futuros veículos serão montados no Uruguai. Em 2016, o Grupo P...
Peugeot, Citroën e DS têm novo Diretor de Marketin... O novo responsável pela área das três marcas tem uma relação estreita com o grupo, do qual faz parte desde 1999 Antoine Gaston-Breton é o novo diretor de marketing das marcas Peugeot, Citroën e DS no Brasil. O executivo de origem francesa, responsável pelo marketing da Peugeot desde agosto de 201...
Como virar o jogo Dificuldades na matriz costumam ter reflexos nas filiais e o Grupo PSA (Peugeot, Citroën, DS e Opel) não é exceção. Novo administrador, ajuda do governo francês e um sócio chinês (Dongfeng) levaram à recuperação financeira da empresa. Líder do processo, o português Carlos Tavares trouxe resultados e...
Grupo PSA centraliza gestão das marcas no Brasil Ana Theresa Borsari, diretora da Peugeot no Brasil, assume também o comando das marcas Citroën e DS no país Buscando um alinhamento mundial com a prática adotada pelo Groupe PSA, será implementada também no Brasil a unificação da gestão das Marcas Peugeot, Citroën e DS. As estruturas comerciais d...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *