Volvo revelará o novo XC60 no Salão do Automóvel de Genebra

Volvo revelará o novo XC60 no Salão do Automóvel de Genebra. Foto: Divulgação

A Volvo vai apresentar o novo XC60 no Salão do Automóvel de Genebra, que ficará aberto ao público de 7 a 19 de março. O modelo é o utilitário esportivo médio mais vendido da Europa, com mais de 1 milhão de unidades em oito anos.

A fabricante sueca está reafirmando sua liderança ao desenvolver o SUV sobre a plataforma modular SPA (Scalable Product Architecture), a mesma dos veículos da série 90. Sua grande versatilidade garante ao modelo, por exemplo, apresentar três novos recursos avançados para auxiliar o motorista e mantê-lo longe do perigo.

Esses novos equipamentos de segurança oferecem ao condutor assistência automática em manobras – quando exigida – para evitar possíveis colisões. Isso deve fazer com que o novo XC60 seja referência no assunto e um dos automóveis mais seguros do mundo.

“Durante muitos anos, trabalhamos no desenvolvimento de sistemas para evitar colisões e agora vemos sua eficácia. Somente na Suécia, percebemos uma diminuição de cerca de 45% no número de batidas, traseiras ou frontais. Isto graças ao nosso sistema de aviso de colisão com freio automático. Com o novo XC60, estamos focados em tomar o próximo passo na redução de colisões evitáveis ao acrescentar sistemas de apoio e assistência de direção”, afirma o diretor Sênior do Centro de Segurança da Volvo Cars, Malin Ekholm.

City Safety

Volvo revelará o novo XC60 no Salão do Automóvel de Genebra. Foto: Divulgação

O City Safety foi atualizado no XC60 para incluir o suporte à direção,. Ela entra em ação quando a frenagem automática não seria suficiente para evitar uma colisão em potencial. Nessas circunstâncias, o carro oferecerá assistência à manobra para evitar o obstáculo à frente. O City Safety atua entre 50 e 100 km/h e ajuda a evitar batidas com outros veículos, pedestres e animais de grande porte.

Mitigação de Pista Oposta

A Volvo Cars também acrescentou um sistema chamado Mitigação de Pista Oposta (Oncoming Lane Mitigation). Ele ajuda os motoristas a evitar colisões com veículos que se aproximem vindos da pista contrária. Esse recurso funciona ao avisar o motorista distraído que invade a faixa oposta.

Volvo revelará o novo XC60 no Salão do Automóvel de Genebra. Foto: Divulgação

O sistema oferece suporte automático à direção e conduzindo o veículo de volta à sua própria pista. Assim, ele fica fora do caminho de qualquer outro automóvel que esteja vindo. O sistema é ativado entre 60 e 140 km/h. “Todos os três novos recursos representam passos claros em nosso trabalho de desenvolver carros de direção plenamente autônoma”, acrescenta Malin Ekholm.

Ponto Cego

O Sistema de Informação de Ponto Cego (Blind Spot Information System) também foi atualizado. Agora, o recurso inclui a função de assistência ao volante. A novidade ajuda a evitar choques com veículos escondidos num ponto cego. Para isso, ele conduz o carro de volta à sua própria pista e fora do perigo.

“Temos incluído no novo XC60 todos os benefícios da tecnologia de segurança que havíamos introduzido nos carros da série 90. Isso está plenamente alinhado com a nossa abordagem estratégica. Queremos sempre desenvolver sistemas de segurança automotivos baseados na segurança na vida real. Nossa visão é de que ninguém seja morto ou sofra lesões graves num carro novo da Volvo até 2020”, acrescentou Malin Ekholm.

Novo XC60

Volvo revelará o novo XC60 no Salão do Automóvel de Genebra. Foto: Divulgação

O XC60 apresentará os sistemas de segurança de última geração, assim como os modelos da série 90. Entre estes estão Detecção de Animais Grandes (Large Animal Detection), Mitigação de Saída de Estrada (Run-off Road Mitigation). Os modelos também contam com recurso de direção semiautônoma (Pilot Assist) como opcionais.

*O sistema de Aviso de Colisão com Frenagem Automática (Collision Warning with Autobrake) faz parte do City Safety. A diminuição de 45% no número de colisões traseiras ou frontais na Suécia é relacionada aos carros equipados com a terceira geração dessa tecnologia.

Deixe uma resposta