Brasil conquista vitória inédita no Rally Dakar 2017

Leandro Torres e Lourivval Roldan no Rally Dakar 2016. Foto: Reprodução

Os brasileiros Leandro Torres e Lourival Roldan escreveram seus nomes na história do esporte brasileiro neste sábado. Eles chegaram em 2º lugar na última etapa e conquistaram o título inédito para o Brasil no Rally Dakar.

Competindo na categoria UTV, a dupla percorreu os mais de 9.000 quilômetros de disputa em 54h01min50 (tempo extra-oficial). A competição começou no dia 2, em Assunção, no Paraguai, passou pela Bolívia e terminou na manhã deste sábado em Buenos Aires.

A dupla chinesa Wang Fujiang/Li Wei ficou na segunda colocação geral, com mais de quatro horas de diferença para os campeões.

Contratempos do início ao fim

Um Rally como o Dakar já não é fácil. Para a dupla brasileira, no entanto, alguns contratempos quase impediram o sonho. Além de condições climáticas adversas, como temperaturas na casa dos 40 graus, chuvas, enchentes e até mesmo uma avalanche. Altitude, que chegou a 5.000 metros, também foi um adversário forte para a resistência dos competidores.

Na segunda etapa, eles tiveram o radiador do UTV coberto de lama e o motor ferveu. Quase que tudo termina ali.

No meio do roteiro, em Uyuni (Bolívia), eles foram penalizados com o acréscimo de uma hora ao tempo de prova. Tudo por que, ao chegarem no local onde os veículos passaram a noite, Leandro se irritou com um vazamento de óleo no veículo e atirou sua mochila de água por sobre a cerca. Seu irmão, que integra a equipe de apoio e o acompanha durante o rali, recolheu o equipamento. Um fiscal viu e aplicou a pena, sob a justificativa de que eles estariam recebendo ajuda externa, o que era proibido naquele dia.

Por fim, Em uma das últimas etapas, uma batida em uma pedra causou uma quebra que fez com que eles se atrasassem muito para terminar a etapa.

Quem são

Leandro Torres – 45 anos, é carioca, radicado em São Paulo, e disputou o Dakar pela segunda vez. Em 2016, também tendo Lourival como navegador, ficou na terceira colocação. Lourival Roldan é paulista e venceu a disputa em sua 10ª participação. participou do Dakar pela 10ª vez.

O que são UTVs

UTV é a sigla para Utility Task Vehicle (veículo utilitário multitarefas, em inglês). São veículos semelhantes a quadriciclos, mas com a chamada “gaiola” (a proteção tubular em torno do cockpit). Seu motor tem 1000 cilindradas, e ele conta com tração 4×4, suspensão independente nas quatro rodas e velocidade máxima de 140 km/h.

Categoria Carros

 

Nos carros, Stéphane Peterhansel garantiu seu sétimo título (ele também venceu em 2004, 2005, 2007, 2012, 2013 e 2016). Ele teve como parceiro o navegador Jean-Paul Cottret.


Classificação final do Rally Dakar:


UTVs

1° – Leandro Torres / Lourival Roldan 54h01m50

2º – Wang Fujiang / Li Wei (Polaris) + 4h42m34

3º –  Maganov Ravil / Kiril Shubin (Polaris) + 6h05m35

4º – Mao Ruijin / Sebastien Delaunay (Polaris) + 23h30m07

Carros

1º – Stephane Peterhansel / Jean Paul Cottret (Peugeot) 28h49m30

2º – Sebastien Loeb / Daniel Elena (Peugeot) + 5m13

3º – Cyril Despres / David Castera (Peugeot) +33m28

4º – Nani Roma / Alex Haro Bravo (Toyota) + 1h16m43

5º – Giniel De Villiers / Dirk Von Zitzewitz (Toyota) +1h49m48

18º – Sylvio de Barros / Rafael Capoani (MINI) + 8h13m47

Motos

1º – Sam Sunderland (KTM) 32h06m22

2° – Mathias Walkner (KTM) +32m

3º – Gerard Farres Guell (KTM) + 35m40

4º – Adrian Van Beveren (Yamaha) + 36m28

5º – Joan Barreda (Monster Energy Honda Team) + 43m08

59º – Richard Fliter (Honda) + 1h02m30

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: