Jaguar foi a marca que mais cresceu no segmento luxo

Jaguar foi a marca que mais cresceu no segmento luxo. Foto: Divulgação

A Jaguar Land Rover alcançou números expressivos de aumento de vendas em 2016. De um lado a Jaguar firmou-se como a marca que mais cresceu no segmento luxo, 53%. Do outro, A Land Rover manteve a liderança do segmento de SUVs premium no Brasil.

Enquanto o mercado de veículos premium teve queda de 28% no Brasil, as marcas britânicas enfrentaram 2016 com novos produtos e tecnologias, frutos de investimentos de 3 bilhões de libras esterlinas feitos globalmente nos últimos anos pela Jaguar Land Rover.

“O lançamento do Jaguar F-PACE, primeiro SUV da marca, foi um fato importante para nós. Além disso, a chegada dos motores Ingenium Diesel de última geração — contribuíram para o desempenho positivo da empresa no ano passado. Eles equipam os modelos nacionais do Discovery Sport e do Range Rover Evoque. Fechamos 2016 com 7.457 unidades vendidas”, ressalta Gabriel Patini, diretor de marketing e produto da empresa na América Latina.

O sedã esportivo XE, apresentado em 2015, foi o modelo mais vendido da Jaguar no último ano, respondendo por mais da metade das suas vendas. O modelo é o mais dinâmico, leve e compacto sedã já produzido pela marca.

Líder no segmento

Em 2016 a Land Rover apresentou os esperados Evoque (acima) e Discovery Sport feitos no Brasil. Isto contribuiu para a manutenção de 26% de participação no mercado de SUV premium e da liderança no setor. Com isso, a Land Rover reforça seu foco em modelos competitivos e com alto valor de revenda.

A padronização da rede de concessionários Jaguar Land Rover também foi determinante para o desempenho em 2016. Todos os pontos de venda passaram a oferecer aos clientes o conceito de atendimento 3S: Sales, Services and Spare Parts (Vendas, Serviços e Peças de Reposição), que garante amplo suporte no pós-venda.

Vendas globais

Globalmente, a Jaguar Land Rover encerrou 2016 com recorde absoluto em vendas. Pela primeira vez a marca superou meio milhão de veículos comercializados em um ano, com 583.313 unidades. O número equivale a venda de mais de um carro por minuto no período. Sobre o resultado de 2015, o aumento foi de 20%.

Esse é o sétimo crescimento em vendas consecutivo da empresa, que já triplicou a comercialização de seus veículos desde 2009.

Entre os principais mercados responsáveis por esse desempenho estão a China, América do Norte e Reino Unido, que registraram crescimento de 31%, 25% e 17% respectivamente.

Deixe uma resposta