Barrichello vence em Goiânia e bate recorde na Stock Car

Para se manter no encalço do líder do campeonato, Felipe Fraga da Cimed Racing, o campeão da temporada 2014, Rubens Barrichello, da Full Time Sports, precisava somar o maior número de pontos possível na rodada dupla disputada em Goiânia neste final de semana. Se não foi o maior número de pontos possível, foi o maior já conquistado, com 40 pontos, sendo 25 por uma vitória de ponta a ponta na primeira corrida, e 15 pelo quinto lugar na segunda disputa.

stock-01
O líder do campeonato, Felipe Fraga, tenta a ultrapassagem sobre Barrichello

Átila Abreu, da Shell Racing, venceu a segunda prova conquistando sua primeira vitória na temporada 2016. O ainda líder do campeonato, Felipe Fraga, foi segundo na disputa direta com Barrichello, e na seguinte acabou abandonando, também na segunda posição, por falta de combustível.

Com isso, a distância entre Fraga (252 pontos) e Barrichello (233), que era de 44 pontos, caiu para 29, faltando duas provas para o final da temporada, e sendo que Interlagos, além de ter também duas provas, tem pontuação dobrada.

“Agora é tudo um cálculo. Primeiro e quinto é um ótimo resultado para o fim de semana. Na primeira corrida ficamos ali, eu e o Fraga ‘trocando’ botões de ultrapassagem – quando eu usava, eu não podia errar, senão ele usaria na volta seguinte para me passar, e quando ele usava, eu ficava na minha”, explicou Barrichello.

stock-02
Os vencedores do final de semana, Átila Abreu e Rubens Barrichello

A Stock Car volta a se reunir dentro de duas semanas para a penúltima etapa da temporada, que acontecerá pela primeira vez em Minas Gerais, no recém-inaugurado Circuito dos Cristais, localizado na cidade de Curvelo (MG). As corridas acontecem no dia 20 de novembro.

Confira quem foram os 10 primeiros nas duas corridas deste final de semana:

Corrida 1 – Resultado:
1-) 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) – 28 voltas (média de 134,1 km/h)
2-) 88 Felipe Fraga (Cimed Racing) – a 3s822
3-) 77 Valdeno Brito (TMG Racing) – a 8s930
4-) 80 Marcos Gomes (Cimed Racing) – a 17s375
5-) 70 Diego Nunes União (Química Racing) – a 24s161
6-) 4 Julio Campos (C2 Axalta Racing) – a 27s662
7-) 29 Daniel Serra (Red Bull Racing) – a 28s655
😎 63 Nestor Girolami (Eisenbahn Racing Team) – a 30s064
9-) 51 Átila Abreu (Shell Racing) – a 33s618
10-) 12 Lucas Foresti (Full Time-ProGP) – a 35s931

Corrida 2
1-) 51 Átila Abreu (Shell Racing) – 19 voltas (média de 137,9 k/h)
2-) 21 Thiago Camilo (Ipiranga-RCM) – a 1s825
3-) 70 Diego Nunes (União Química Racing) – a 6s473
4-) 65 Max Wilson (Eurofarma RC) – a 10s351
5-) 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) – a 10s566
6-) 28 Galid Osman (Ipiranga-RCM) – a 12s613
7-) 80 Marcos Gomes (Cimed Racing) – a 14s612
😎 46 Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) – a 16s142
9-) 9 Guga Lima (TMG Racing) – a 17s119
10-) 117 Guilherme Salas (RZ Motorsport) – a 19s913

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: